Brega: O Novo Ritmo do Brasil (HILBERT NASCIMENTO)



Hilbert Nascimento (Binho)

Quem acredita que brega é simplesmente um adjetivo usado para distinguir aqueles que vestem-se com roupas fora de moda, ou fazer aquilo que não se recomenda pelos códigos de etiqueta, está redondamente enganado.

Brega é o novo ritmo que começa a tomar conta do Brasil, começando pelo Norte e Nordeste do país.

Enganam-se também aqueles que pensam que as letras tratam apenas de desilusões amorosas e outras dores de cotovelo. Mais que isso, tratam de assuntos do cotidiano do povo, em um ritmo extremamente dançante e sensual, que mistura a Jovem Guarda, lambada, Pop, Merengue e Calipso. O resultado é realmente gratificante para todos os ouvidos e para o corpo, que nunca consegue ficar inerte diante das melodias.

{mosgoogle}

Belém do Pará é o berço deste movimento que começou no final de 1997 e desde então não parou mais de crescer. A rádio 99 FM foi quem deu início a esta escalada. Acreditou e lançou o Brega como parte obrigatória de sua programação com o objetivo de recuperar a liderança de audiência na Grande Belém. Apostou e ganhou. Não apenas recuperou como consolidou seu primeiro lugar nas pesquisas do Ibope de 1998. Como conseqüência natural deste trabalho, lançou no segundo semestre do mesmo ano o CD Alô Belém - uma coletânea com os melhores artistas e canções do Brega. Os resultados obtidos superaram as expectativas: mais de 50.000 cópias vendidas em apenas quatro semanas em Belém, consagrando o CD como recordista absoluto no seu lançamento, batendo estrelas de nome nacionalmente consagrados.

O Brega, hoje completamente difundido, é música obrigatória em qualquer festa do Norte do Brasil e já é ouvido em muitas cidades do Nordeste, nas quais as rádios começam a incluir em suas programações. Como uma febre benigna, esse balanço contagiante está alastrando-se pelo país a cada dia, nos dando a certeza de que em breve será o Grande Ritmo do Brasil.